Páginas

19 de abr de 2012

8.

Já abandonei aqui? Ixi!

Adoro falar sobre lolitas, mas um assunto que eu tenho pensado bastante é gosto musical dentro desse meio.
Eu acho bastante engraçado a relação que fazem de "ah, eu adoro sweet/classical/whatever lolita, mas é estranho porque eu ouço heavy metal". Eu não sei bem isso, talvez seja contrastante mesmo para quem está fora, mas para quem está no meio chega até a ser comum. As vezes eu que me sinto a estranha por curtir post-rock, pop e coisas mais levinhas. (;3;)~ Será?
Eu não curto metal. Não quer dizer que eu não goste, mas não me dá vontade de ouvir. Para mim, o vocal é chato, em sua maioria. Confesso que acho Rammstein muito mais respeitável que qualquer uma dessas bandas de metal que se acham super pesadas por fazerem gutural.
Rammstein não é pesado, ao menos eu acho, mas vocal como o deles eu não encontrei em nenhuma outra banda. Se as bandas metal fossem como eles, eu seria muito fã, haha.
Eu digo que prefiro os vocais mais melodiosos, eu gosto de saber como é a voz real de quem está cantando. Gosto de gutural também e até uma voz mais aguda, mas até certo ponto. Não todo o tempo.
O que quando se trata de THE PIASS, não faz muito sentido. É uma banda gritada e suja, mas ainda assim, gosto muito. Toda regra tem sua exceção, né? :D
No final, minhas bandas favoritas são Fatima, Fuzylog., Merry, Nega, Like absolute myself, Ensoku... Eu me encanto muito com bandas que conseguem mudar o ritmo da música várias vezes, mas sem deixar maçante. E essas bandas o fazem muito bem, eu diria. Algumas mais aleatórias que outras, mas ainda assim... Seriam consideradas bandas do gênero progressive rock, ou experimental? Eu não entendo muito de música.
Mas aonde eu estava mesmo?
Já perdi o fio da meada.

Tenho algumas fotos de looks, mas fica pra próxima. :D



Ouvindo: A-ha - Scoundrel days.

Nenhum comentário:

Postar um comentário